Seu navegador não supoerta scripts

Busca

 

Artigos

 



Catálogo de Produtos Inclusivos

 

Acompanhe-nos

Facebook   Facebook

 

 

por Matheus Pereira

Sistemas para incorporar a iluminação zenital em seus projetos



Nada mais racional que aproveitar a iluminação solar natural como garantia para melhorar a qualidade espacial de seus projetos, além de economizar energia.

A consciência da finitude dos recursos naturais e demandas por redução do consumo energético têm diminuído cada vez mais o protagonismo de sistemas artificiais de iluminação, de modo que arquitetos tem buscado assumir novos posicionamentos na concepção projetual, apropriando-se determinados sistemas construtivos no aproveitamento dos recursos naturais. Nesse diálogo, diferentes tipos de artifícios têm sido adotados para a captação lumínica natural.

Tais sistemas podem ainda garantir excelentes propriedades espaciais se projetados corretamente. Conheça, a seguir, 5 sistemas indispensáveis à iluminação zenital:

Claraboias


Estabelecidas como aberturas horizontais estrategicamente posicionadas na cobertura das edificações, permitem a entrada direta da luz natural à região interna da construção. Como vedação, comumente recebe a aplicação de vidro translúcido em sua face superior, permitindo maior porcentagem lumínica ao espaço.

Deve ser utilizada com cuidado, já que tende a favorecer o ganho de cargas térmicas na edificação, aumentando a temperatura interna. Portanto, deve ser estrategicamente posicionada e projetada no que diz respeito às dimensões e materiais vedantes.

Além disso, como alternativa a vedação superior, pode receber películas de vidro leitoso ou chapas de policarbonato, de modo a propiciar a entrada de luz de maneira indireta e a dosagem do percentual lumínico. Como o sistema de iluminação zenital mais empregado, são indicadas a espaços de menor permanência como áreas de circulação, halls ou banheiros, por exemplo.

Permite ainda uma gama de modelos a partir da variação de desenhos, dimensões e materiais, desde a tradicional abertura sobre a laje até modelos tubulares mais inventivos.

Sheds


Recorrentemente empregados em edifícios industriais e galpões junto a coberturas metálicas, configuram-se como dispositivos a partir da geometria em dente de serra dos telhados, com inclinações estrategicamente dispostas de modo a receber determinada quantidade de luz.

Usualmente são posicionados em relação à fachada com menor insolação (sul no hemisfério sul e norte, no norte), permitindo receber luz natural sem raios solares. Em alguns casos, também contemplam aberturas à ventilação.

Variações em dimensões e inclinações são concebidas a partir da necessidade percentual lumínica no espaço interno, permitindo maior ou menor entrada de luz. Neste sistema é imprescindível o fechamento por caixilhos de vidro, impedindo infiltrações provenientes das chuvas.

Lanternins


Como aberturas que se sobressaem em relação à cobertura, podem ser pequenos telhados sobrepostos às cumeeiras ou ainda superfícies sobrepostas às lajes, criando pequenas saliências a receber aplicação de vidro à entrada de luz natural pelas duas laterais.

Além da entrada lumínica, o sistema permite a renovação contínua do ar se empregado caixilhos móveis, possibilitando trocas constantes a partir do pressuposto de que o ar quente tende a subir.

Cúpulas


Cúpulas e domos propiciam efeito de maior alcance de iluminação se comparado aos casos anteriores. Porém, pelas grandes dimensões assumidas na maioria dos casos tendem a gerar grandes cargas térmicas no interior das edificações, motivo pela qual são geralmente empregadas a edifícios com grandes pés direito e estrategicamente posicionados em locais de curta permanência como circulações, pátios ou zonas centrais.

Átrios


Como o espaço central de uma edificação, o termo também nomeia uma das tipologias à iluminação zenital. Assim como as claraboias, possui aberturas posicionadas diretamente sobre as coberturas, na maioria dos casos por geometrias piramidais ou com duas águas construídas com perfis metálicos e fechamento em vidro. Contanto, diferente dos casos anteriormente citados, esta tipologia é indicada a edifícios com maior número de pavimentos ou grandes pé direito, permitindo o recebimento de maior luminosidade de modo a não gerar altas cargas térmicas.

Tubos solares


Assim como as claraboias, podem ser instalados em diferentes tipos de coberturas - planificadas ou inclinadas. Com uma variedade de tamanhos em largura e dimensão, podem ser flexíveis ou rígidos. A diferença é que levam a luz, através de reflexões, onde não é possível instalar uma claraboia, por exemplo.

Internamente recebem materiais reflexivos, havendo variação da intensidade da luz em decorrência de suas dimensões e materialidade, apresentando ótima solução à projetos industriais e comercial. Há ainda modelos com fibra de vidro comercializados especialmente à projetos com curtas distâncias entre o forro e laje, indicados a projetos residenciais.



Fonte:www.archdaily.com.br





Visite nossas páginas no facebook -www.facebook.com/forumconstrucao e Twitter - www.twitter.com/forumconstrucaoCurta, Divulgue

















































Comentários

Mais artigos

Sistemas para incorporar a iluminação zenital em seus projetos

A Importância da Iluminação Natural

Dicas sobre iluminação em eventos

Iluminação Residencial: 7 Dicas para uma iluminação perfeita

Iluminação econômica: como iluminar ambientes de forma planejada ajuda na economia de energia

Como iluminar uma loja: dicas e inspirações

Como fazer iluminação para casamento

5 dicas para fazer a iluminação correta dos ambientes

Conheça as tendências em iluminação e saiba como colocá-las em seus projetos

Confira 5 tendências de iluminação

A utilização de lâmpadas LED no projeto residencial e comercial de iluminação

Projetos de luminotécnica na decoração de interiores

Iluminação residencial transformando ambientes

Iluminação em LED: vantagens e desvantagens.

Dicas de iluminação de interiores para sua casa

Como planejar a iluminação da sua casa

As dez regras de ouro de iluminação na casa

Níveis recomendados para iluminação de escritórios

Iluminação natural eficiente!

A iluminação direciona os sentimentos

A importância da iluminação na arquitetura

Iluminação para seu jardim II

Iluminação para seu jardim

Como iluminar o jardim durante a noite?

Uso de LED em projetos luminotécnico podem economizar até 70% de energia.

Cuidados com a boa iluminação do ambiente de trabalho

Acerte na escolha da luminária

Melhore a iluminação da cozinha

Como planejar adequadamente a iluminação de salas e cozinhas

O poder da iluminação

Iluminação residencial sem erros

LED - O que é?

Os segredos de uma boa iluminação na sala de estar

Dicas para Iluminação residencial

Lâmpadas para todos os gostos

O sentido da luz (uma reflexão)

Iluminação da cozinha, como melhorar?

Lâmpada LED tubular, vale a pena usar?

Nova norma de luminotécnica : NBR-8995-1

Afinal porque escolher lâmpadas LED?

Como iluminar bem as suas salas

Acertos na Iluminação

A importância da iluminação na arquitetura

Efeitos de iluminação

Iluminação natural eficiente!

Iluminação pública e segurança

Poluição Luminosa

Começa banimento das lâmpadas incandescentes

Iluminação e Sustentabilidade

Estudo de Caso - Sheraton Tribeca - 370 Canal Street NY, NY

Retrofit de Sistemas de Iluminação

Ilumine sua casa com luz natural!

Iluminação Comercial

Aproveitando a luminosidade para decorar ambientes

Iluminação de Fachadas

The next big change!

Iluminação certa para a cozinha

Projetando com LEDs

Iluminação residencial com Leds

Iluminação – A importância de um bom projeto

Projeto luminotécnico otimiza distribuição da luz artificial

Iluminação. Como deixar seu espaço mais agradável.

Tipos de iluminação na decoração

LEDs – Campeões da iluminação sustentável

Iluminação elaborada em casa!

Iluminação, a arte de criar ambientes decorados

Efeitos da iluminação no comportamento humano

Cuidados no descarte de lâmpadas queimadas: fluorescente x incandescente x led

Iluminação? Dicas para iluminar com economia

Iluminação residencial passo a passo.

Iluminação adequada nos ambientes. Dicas importantes.

Arquitetura além da visão: uma reflexão sobre a iluminação nos ambientes empresariais

Controlar a iluminação das ruas protege humanos e insetos

Iluminação sustentável

Lâmpadas fluorescentes compactas ganham eficiência e controle de brilho

A estética da luz e o designer das luminárias.

LED orgânico azul tem aumento de eficiência de 25%

Iluminação : Casa Alto Astral, sempre!

Luz branca de alta qualidade é produzida em lâmpada de estado sólido

LEDs orgânicos ganham 60% em eficiência e se aproximam da comercialização

Esponja absorvente de mercúrio pode resolver dilema das lâmpadas fluorescentes compactas

Iluminação Sustentável

Sistema híbrido utiliza luz solar para substituir lâmpadas

Em busca da luz natural