Seu navegador não supoerta scripts

Busca

 

Curso a Distância - Redução do consumo de água em edificações

Curso a Distância - Eficiência Energética em Edifícios

Curso a Distância - Arquitetura Corporativa

Curso a Distância - Terra Crua

Curso a Distância - Arquitetura Acessível x Barreiras Arquitetônicas e Culturais

 

Artigos

 



Catálogo de Produtos Inclusivos

 

Acompanhe-nos

Facebook   Facebook

 

 

Em Arquitetura Inclusiva (veja mais 47 artigos nesta área)

por Renata Lima de Mello

Idosos transformam o mercado imobiliário



O acelerado e significativo crescimento do número de idosos no Brasil vêm transformando o perfil dos clientes que adquirem um lançamento imobiliário. Esse público bem exigente, possui necessidades específicas que vem sendo estudadas pelas construtoras.

A pessoa idosa com o passar dos anos apresenta um declínio físico natural da idade, aumentando riscos de acidentes dentro da casa. A arquitetura, exerce um papel fundamental nessa etapa, pois com a aplicação de recursos na iluminação, criação de espaços amplos, pisos seguros, entre outros, amplia-se a autonomia e a segurança, fatores essenciais quando se pensa em qualidade de vida.

A Tecnisa lançará no segundo semestre de 2009, na Água Rasa em São Paulo, um empreendimento com consciência gerontológica. Essa inovação é resultante de pesquisas de um grupo multidisciplinar formado por professores da UNIFESP (Universidade Federal de São Paulo), arquitetos, engenheiros, gerontólogos, terapeutas ocupacionais e assistentes sociais, que discutem sobre o tema a mais de um ano.

Como resultado, as áreas coletivas do empreendimento terão desníveis vencidos por rampas e escadas mais ergonômicas, portas e espaços de circulação mais generosos, pisos opacos e antiderrapantes, portas de vidro com sinalização adequada, entre outros detalhes construtivos.

Outra transformação que poderá ser vivenciada pelos futuros moradores é de que os painéis figurativos das salas temáticas terão a representação de todas as gerações, coisa que não vinha sendo feita antes.

Os apartamentos também foram pensados para atender mais adequadamente esse consumidor específico, contudo alterações mais pontuais serão possíveis através de uma consultoria personalizada com a equipe de técnicos da empresa. Essa novidade não é efêmera e veio para se consolidar no mercado. A cada futura construção da Tecnisa, novas melhorias serão implantadas, trazendo benefícios para todas as pessoas.

A construtora J. Bianchi procurou apostar no conceito Lifetime Home para desenvolver projetos que respeitem as necessidades dos idosos. A transformação dos lançamentos está pautada a dar mais flexibilidade e principalmente qualidade de vida ao usuário final, ampliando-se também às crianças, obesos, grávidas e pessoas com mobilidade reduzida. Dessa forma, todos terão condições adequadas nos usos dos espaços e equipamentos.

Esse conceito é muito difundido em diversos países, como por exemplo, Estados Unidos e Inglaterra. Construções focadas na diversidade dos usuários, ampliam a vida útil de conforto no uso dos imóveis, pois atendem as mais diversas necessidades que todas as pessoas têm ao longo da vida.

Os apartamentos da J. Bianchi construídos nesse padrão, possuem espaços internos divididos por Dry-Wall, que recebem tratamento acústico e térmico. A estrutura do edifício é locada em pontos estratégicos de modo a não gerar barreiras nas unidades. Essas inovações permitem que futuramente possa ser feita novas distribuições sem grandes onerações. As tomadas e interruptores foram também instalados em alturas mais acessíveis.

Segundo a própria construtora, o mercado reagiu muito positivamente a essa novidade. As unidades do edifício Olímpia Lifetime Home, no centro de Suzano, São Paulo, foram vendidas rapidamente e o outro edifício do mesmo conceito o Odeon Lifetime Home surpreendeu mais ainda, sendo completamente vendido em 15 dias a partir da abertura do stand de vendas com o apartamento modelo, sem que fosse preciso gerar nenhum material de divulgação.

Essas inovações do mercado puderam ser apresentadas na I Jornada Nacional de Arquitetura Inclusiva, promovida pelo IBA – Instituto Brasil Acessível e pelo IBDA – Instituto Brasileiro de Desenvolvimento da Arquitetura, o que resultou na disseminação de boas práticas e trocas de experiências.

O importante desse processo foi perceber que os projetos voltados a atender a todos, não oneram significativamente as construções quando planejados desde o início e proporcionam resultados esteticamente bem interessantes quando isso passa a ser um desafio do arquiteto projetista.

Pesquisas realizadas por um grupo da CDHU, revelam que os jovens assimilam muito bem essa proposta nos empreendimentos. Isso é muito animador, pois reforça uma tendência de transformação de todo o mercado da construção. Um verdadeiro ganho de qualidade a todos os consumidores.

Comentários

Mais artigos

A arquitetura inclusiva é a arquitetura que respeita a diversidade humana e gera acessibilidade para todos

Os pré-requisitos da arquitetura universal

Projetando a melhor idade

Arquitetura inclusiva, Desenho universal é a palavra-chave para alcançar a acessibilidade

Leis de acessibilidade e desenho universal

Acessibilidade, um direito de todos.

Acessibilidade, é direito de todos!

Espaços edificados para o idoso: condições de conforto.

Decore a casa para os idosos

Quarto para idosos

Arquitetura Inclusiva – Uma nova cultura

Como Adaptar a Casa Para Idosos?

Arquitetura Inclusiva e seus desafios

Aplicação do Desenho Universal no Visual Merchandising

Arquitetura Inclusiva e Desenho Universal: Qual seu valor de mercado?

Banheiros mais funcionais revelam adaptações com sutileza e elegância

Desenho universal para moradia popular

Acessibilidade e a visão do futuro

Calçadas e acessibilidade

Design Inclusivo: Benefício para todos

Idosos transformam o mercado imobiliário

Incentivo X Proibição das portas de 60 e 70 cm

Casa para a vida toda? Para todos?

Acessibilidade universal

Idosos : Conforto e autonomia em casa!

Projeto inclusivo de verdade

Arquitetura inclusiva : Casa para o idoso.

A arquitetura como instrumento de inclusão social

Crise? Momento ideal para novos mercados, novos desafios. Para os profissionais e para a indústria.

Projeto piloto comprova viabilidade econômica da casa universal

Serviço online permite que cegos naveguem na Internet de qualquer computador

Espaços Sentidos Universais

Ergonomia é fundamental em respeito ao cliente!

Projeto obriga construção de apartamentos para deficientes

Piso Tátil por quê?

A Igualdade Começa pelo Planejamento da Cidade

Projeto de sistema estrutural de orientação urbana para deficientes visuais

Joystick virtual substitui mouse por comandos de voz

Conheça o primeiro projeto com aplicação do Universal Design lançado no Brasil

Acessibilidade e a Visão do Futuro

Programa transforma voz em linguagem de sinais

Desenho Universal: reflexão e ação repercute no meio

Universal Design na Arquitetura

Desenho Universal: reflexão e ação

Moradias do futuro aliam conforto, segurança e também acessibilidade

Acessibilidade e sua importância nos projetos de hoje e do futuro

Design Universal na Arquitetura

Porta que otimiza espaço