Seu navegador não supoerta scripts

Busca

 

Curso a Distância - Redução do consumo de água em edificações

Curso a Distância - Eficiência Energética em Edifícios

Curso a Distância - Arquitetura Corporativa

Curso a Distância - Terra Crua

Curso a Distância - Arquitetura Acessível x Barreiras Arquitetônicas e Culturais

 

Artigos

 



Catálogo de Produtos Inclusivos

 

Acompanhe-nos

Facebook   Facebook

 

 

Em Engenharia de Custos (veja mais 17 artigos nesta área)

por Eng. Civil MSc. Djalma Pinto Pessôa Neto

Viabilidade de Executiva de Obras e/ou Serviços de Engenharia.



O empreendimento, independentemente de seu porte, nasce de uma vontade de se reformar, modificar, acrescentar ou construir algo. Os recursos disponíveis, muitas vezes criam falsas expectativas, em termos do que se pode realizar. É fundamental para qualquer projeto, um estudo que vai quantificar o montante de gastos a serem despendidos, uma grandeza de preços.

A viabilidade começa aqui, onde técnicas e métodos de construção, juntamente com os materiais especificados para os serviços, geram estimativas que vão ser confrontadas com os recursos envolvidos.

O desenvolvimento de um projeto deve atingir um nível que se permita calcular uma estimativa definida, onde plantas específicas e detalhes vão possibilitar controle de custos razoáveis. A sofistificação e a urgência de prazos vão ser fatores básicos para se determinar o grau de precisão de um trabalho.

Alguns diriam com propriedade, que viabilidade é algo mais que um orçamento, planilhas e cronogramas. Que quando vamos realizar um empreendimento/investimento, independente do seu porte, ocupação e uso, devemos fazer um estudo de viabilidade:

- Este empreendimento está de acordo com o zoneamento, uso, ocupação?
- Este empreendimento dará o retorno financeiro necessário?
- Este empreendimento se inseri no entorno, contexto geral da região?
- Existem restrições ambientais, geotécnicas e outras.


Pode-se ter o orçamento correto, mas se não existe possibilidade de retorno financeiro, o estudo de empreendimento deve ser revisto.

Alem disto devemos verificar se dispomos dos recursos financeiros demandados nos estudos de viabilidade, pois a viabilidade deve ser técnico-economica e também financeira, a insuficiência de recursos para atender o projeto de engenharia com economia, inviabiliza os estudos anteriores.

A viabilidade executiva deve atender os estudos definidos, analisando totalmente todos os três aspectos:

- A Engenharia,
- A Economia, e
- O Financeiro.

Conheça o curso a distancia IBDA-SitEScola: Viabilidade Executiva em Empreendimentos na Prática de Engenharia de Custos.

Comentários

Mais artigos

Gerenciar custos não é somente orçar projetos, é viabilizá-los para Executá-los.

Orçamentação e custo de obras civis

A gestão de projetos para o setor da construção civil no Brasil

Como medir a produtividade na construção civil

Estrutura de Custos para Viabilizar Pequenas e Médias Construções

Apropriação de custos na construção civil

A Realidade da Engenharia de Custos no Brasil

A importância histórica dos Orçamentos e Custos das Construções no Brasil

Orçamento de Obras e Cálculo do BDI

O valor do engenheiro de custos

Viabilidade de Executiva de Obras e/ou Serviços de Engenharia.

A Importância do Controle dos Gastos em Obras de Construção Civil

Custo - resultado na construção

Controlar custos não é simplesmente reduzir custos

Tabela para Estimativas

Gerenciar custos não é somente orçar projetos, é viabilizá-los

Gerenciamento Total de Custos

Nova área no Portal Fórum da Construção