Seu navegador não supoerta scripts

Busca

 

Curso a Distância - Redução do consumo de água em edificações

Curso a Distância - Eficiência Energética em Edifícios

Curso a Distância - Arquitetura Corporativa

Curso a Distância - Terra Crua

Curso a Distância - Arquitetura Acessível x Barreiras Arquitetônicas e Culturais

 

Artigos

 



Catálogo de Produtos Inclusivos

 

Acompanhe-nos

Facebook   Facebook

 

 

Em Gerenciamento de obras (veja mais 23 artigos nesta área)

por Redação do Fórum da Construção

Como gerenciar sua obra de maneira mais tranquila



Como gestor ou empreiteiro no ramo da construção, você tem que saber fazer bem um conjunto grande de atividades: cuidar do controle de qualidade da empresa, gerenciar suas operações e negócios, cuidar dos recursos humanos e organizar o caixa e os orçamentos.

Diante dessa quantidade de responsabilidades, é essencial saber como combinar todos esses papéis a fim de garantir o bom gerenciamento de projetos e a satisfação dos clientes. Do contrário, você terá clientes reclamando, obras atrasadas e equipe frustrada, acarretando queda da reputação e do rendimento da sua empresa.


Quer saber como evitar esses problemas? Então, veja algumas dicas para ter uma gestão de obras mais tranquila!

Faça bons orçamentos e explique-os aos clientes

Uma das reclamações mais presentes entre os clientes de empreiteiras e construtoras é a de que essas empresas geralmente apresentam orçamentos muito caros ou acima do que eles esperavam pagar. A grande questão, na verdade, é que os compradores ou contratantes muitas vezes não conhecem tudo o que envolve a obra.

Para driblar esse problema, é importante explicar aos clientes que o orçamento inclui um valor estimado para o caso de gastos inesperados. Além disso, descreva minuciosamente os detalhes de sua previsão de despesas em materiais e mão de obra para minimizar as desconfianças e dar mais credibilidade ao seu trabalho.

Não deixe de pensar também sobre o interior do imóvel

Você pode não ser necessariamente um arquiteto, engenheiro ou designer, mas isso não significa que não precisa se preocupar com um bom visual de seus projetos. Isso porque a dúvida sobre como serão os interiores dos ambientes pode tornar as decisões de compra dos clientes mais lentas.

Pensando nisso, nada impede que você sugira que os clientes consultem bons profissionais para cuidar desses aspectos do imóvel. Inclusive, você poderá até mesmo ter um cadastro de contatos com esses profissionais. Assim, você aumenta a confiança na relação e deixa o comprador mais satisfeito.

Comporte-se como um membro da equipe

Isso pode até soar um pouco clichê, mas trabalhar bem em equipe é uma das habilidades que todo bom gestor ou gerente deve ter. Você deve se comprometer com seus funcionários para que eles também se comprometam com a empresa. Isso começa com uma boa comunicação com o arquiteto, os designers, os clientes e sua equipe de obreiros.

Faça uma lista detalhada de metas

A maioria dos prestadores de serviços e gestores gosta de trabalhar com listas. Mas tornar essas listas mais abrangentes, incorporando informações sobre as prioridades dos clientes, pode fazer uma grande diferença.

Isso evita ter a todo instante que parar a obra para fazer perguntas ao cliente — sobre se preferem alguma característica em detrimento de outras, por exemplo. Pode-se até registrar esses pontos em softwares de gestão de projetos. Isso reduz drasticamente o número de telefonemas e e-mails solicitando atualizações e permite que você se concentre no que tem por fazer no seu negócio.

Avalie bem o cenário antes de iniciar o projeto

É importante, antes de começar qualquer trabalho intenso como um projeto e a obra em si, ter uma boa ideia das implicações amplas da construção. Verifique todos os aspectos de sua empreitada, se uma adição futura poderia danificar a integridade do prédio, como o serviço de drenagem afetará o solo, se as tecnologias verdes podem economizar dinheiro no projeto.

Há muitas coisas sobre as quais refletir e decidir, mas isso poderá lhe poupar tempo e recursos no futuro, além de confirmar todo o cuidado que você está tendo com a construção, o que poderá lhe trazer mais respeito e confiança por parte dos clientes.

Que princípios você segue nas suas obras? Por que tipos de experiências passou ao lidar com seu gerenciamento atual? Conte para a gente um pouco de seu aprendizado nos comentários!

Fonte:incopre.com.br



Você conhece o "Curso a distancia IBDA - CentrodEstudos? Veja os cursos disponíveis, e colabore com o IBDA, participando, divulgando e sugerindo novos temas.

Visite nossa página no facebook -www.facebook.com/forumconstrucao - Curta, Divulgue

Comentários

Mais artigos

Como fazer o gerenciamento de obras

10 dicas para planejar e concluir uma reforma sem sofrimento

Como aumentar a segurança dos trabalhadores em uma obra

Como gerenciar sua obra de maneira mais tranquila

Gerenciamento de obras: 5 processos para melhorar

Que cuidados tomar ao contratar a mão de obra para uma reforma ou construção?

A crise da engenharia de projetos no Brasil

Construção Civil: Vantagens do gerenciar obras

Os benefícios do gerenciamento de obras

A Viabilidade da Mecanização na Construção Civil

Gerenciamento e fiscalização de contratos

Gerenciamento de equipes de trabalho

Gerenciamento de Projetos e Obras

Cuidados ao gerenciar sua obra

A obra atrasou, e agora?

Gerenciamento de Obra: agilidade e sincronia das equipes são os maiores desafios, “porque o tempo não para”!

Alcoolismo no canteiro de obras é perigo iminente

Obra parada, resultado da falta de planejamento e de administração

Será que o Custo Unitário Básico (CUB) serve realmente para orçar uma construção?

Reforma de casa ou apartamento requer planejamento, bons profissionais e diplomacia

Critérios de medição em obra

Medição de vidros e a eterna questão do custo versus preço

Compra de terreno para construção: o que é importante?

Matec Engenharia apresenta Sistema de Gestão de Planejamento