Seu navegador não supoerta scripts

Busca

 

Curso a Distância - Redução do consumo de água em edificações

Curso a Distância - Eficiência Energética em Edifícios

Curso a Distância - Arquitetura Corporativa

Curso a Distância - Terra Crua

Curso a Distância - Arquitetura Acessível x Barreiras Arquitetônicas e Culturais

 

Artigos

 



Catálogo de Produtos Inclusivos

 

Acompanhe-nos

Facebook   Facebook

 

 

por Alexandre Fracchetta

Segurança monitorada : O olho mágico eletrônico



Com sistemas de monitoramento cada vez mais modernos, eles permitem que a distância você possa acessar via internet um sistema de câmeras instalados em sua casa, local de trabalho, ou outros ambientes que necessitem um controle de acesso mais rígido.

Embora seja um sistema já bem conhecido pela maioria das pessoas, sempre me questionam como funciona e quais as vantagens. Inclusive questões em termos de custo, se são viáveis ou não.

O equipamento consiste em uma central onde são utilizadas câmeras de vídeo e sensores de presença, que através de um aparelho celular acoplado à central, radiocomunicação ou códigos TCP/IP, (endereços na internet) podemos acessar a distância, via um software dedicado às imagens do local, pontos de acesso restrito e outros tais como: valor de temperaturas ambiente, umidade relativa, entre outros.

Alem das residências, o sistema já é muito utilizado em ambientes de informática onde se faz necessário o controle rígido do fluxo de pessoas e outras áreas de segurança da informação entre outras.

Como funciona:



Todas as imagens e parâmetros podem ser gravados em um sistema digital em mídias do tipo CD ou memórias. A partir daí elas podem gerar relatórios para futuras consultas. Os antigos sistemas de vídeo cassete, onde era possível se gravar até 360 horas, hoje já cedeu lugar para os sistemas digitalizados que permitem acumular maior quantidade de informação com melhor definição e cujo armazenamento requer menor espaço. Também sua degradação com o tempo é bem menor o que torna o sistema mais vantajoso e confiável a um custo bem acessível.

Ultimamente um grande número de cidades já vem utilizando este sistema para monitoramento de vias pública. Qualquer pessoa pode acessar o site da prefeitura local, caso esteja liberado para o público.

Nestes casos de sistemas mais complexos, com um maior número de pontos a serem monitorados, o sistema é subdividido em vários sistemas que depois se interligam através de fibra óptica. Não podemos esquecer da infra-estrutura elétrica que existe por trás destes sistemas, cuja função é manter o funcionando em casos de falta de energia. Aí contamos com os sistemas implementados com No Break e Grupos Geradores.

Portanto, caro leitor, já está na época em que podemos dizer: Vai viajar? Leve sua casa na bagagem!

Comentários

Mais artigos

Corrimão: Item de Segurança

Acesso facilitado de veículos em condomínios causam fragilidades à segurança

Portarias despreparadas de condomínios podem facilitar ações criminosas

Como os marginais escolhem uma casa para invadir?

Dicas de Segurança - Em Residências e Empresas

Dicas de Segurança Residencial

Como escolher um sistema de alarme residencial

Dicas de Segurança em Residências

Como o ladrão escolhe um prédio para invadir?

Cuidados que o zelador deve ter para prevenir incêndios

Segurança em casa é garantia de férias (ou passeios) tranquilas

Porteiro e as qualidades que deve ter

Como deixar a casa segura durante as férias.

Você cuida da porta de seu apartamento?

Estratégia de defesa para condomínios

Construindo Segurança de sua familia

Janela vigilante detecta movimento à sua frente

Cuidado antes, para não se arrepender depois

Segurança monitorada : O olho mágico eletrônico

Arquitetura e segurança em casas de campo e de praia

EPI é necessidade para todo profissional

A influência da Arquitetura na Segurança