Seu navegador não supoerta scripts

Busca

 

Curso a Distância - Redução do consumo de água em edificações

Curso a Distância - Eficiência Energética em Edifícios

Curso a Distância - Arquitetura Corporativa

Curso a Distância - Terra Crua

Curso a Distância - Arquitetura Acessível x Barreiras Arquitetônicas e Culturais

 

Artigos

 



Catálogo de Produtos Inclusivos

 

Acompanhe-nos

Facebook   Facebook

 

 

por Isabela Garcia

Pisos para apartamento: como escolher o modelo mais adequado para o seu uso



Na hora de escolher os acabamentos do seu novo lar é normal que surjam várias dúvidas. Entre tantas decisões, qual o tipo de piso para mais adequado para cada cômodo?

É importante ter em mente alguns pontos que influenciam na escolha, para que você possa avaliar as opções que melhor se adequam ao seu uso diário.

Lembre que o piso tende a te acompanhar por muito tempo no novo espaço, por isso a decisão tem que ser tomada depois de bastante estudo.

O que levar em consideração:

- Ambiente:

Avalie o local onde o piso será instalado e qual a finalidade do espaço. Alguns modelos se adequam melhor em ambientes de menor circulação de pessoas, como o quarto. Outros são adequados para ambientes mais úmidos, como o banheiro e áreas externas. A primeira etapa da escolha deve ser a avaliação do uso que será feito do espaço, para que depois você se concentre em outros quesitos eliminatórios.

- Instalação:

A instalação varia bastante conforme o tipo escolhido. Alguns modelos de piso permitem que você mesmo faça a aplicação, como é o caso do vinílico auto-adesivo. Outros, demandam mão de obra especializada e podem levar mais tempo para ficar prontos, mas o importante nessa etapa é ter em mente que o tipo de instalação influencia diretamente no preço final.

- Limpeza e manutenção:

Assim como nos demais pontos acima, a limpeza e a manutenção também variam bastante de acordo com o tipo de piso escolhido, pois cada um tem sua particularidade. Porcelanato e pisos cerâmicos podem ser lavados com água em abundância, ao contrário do laminado e do vinílico, por exemplo. É interessante estudar os pormenores dos modelos preferidos antes de tomar a decisão, de modo a evitar problemas futuros.

Tipos de piso para apartamento

- Piso Vinílico


O piso vinílico é o queridinho do momento. Resistente, ele se mantém agradável sob qualquer temperatura – não é gelado no inverno e nem contribui para a sensação de calor no verão. É um piso ecologicamente correto, o que conta pontos.

Além disso, é antialérgico, resistente e tem alta durabilidade. Sua instalação é mais simples e pode ser feita por você, uma vez que existem modelos auto-adesivos que são sobrepostos sobre o piso atual do espaço. Por ser relativamente novo no mercado, ainda não conta com tantas opções de cores.

Para apartamentos é uma ótima opção pois não faz barulho ao andar, evitando o incômodo aos vizinhos. A limpeza é simples e não requer o uso de muitos produtos. Vale lembrar que ele reage a luz, efeito que deixa a peça com maior aparência orgânica, ou seja, esse tipo de piso se assemelha visualmente a madeira comum.

Dicas de conservação do seu piso vinílico:

- Evite molhar demais esse tipo de piso, o excesso de água pode danificar o material;
- Nada de arrastar muito os móveis – você pode deixar marcas e até mesmo rasgar;
- Sol direto e constante pode alterar as cores originais;

Piso Laminado


Similar ao carpete de madeira, o piso laminado tem custo inferior e o uso recomendado apenas para ambientes internos, não considerados úmidos. É vendido em placas e conta com grande variação de cores no mercado.

A temperatura se mantém agradável sob diversas variações climáticas e sua limpeza é feita apenas com pano pouco úmido. Requer alguns cuidados extras com a folha laminada para que não haja estufamento ou manchas, sendo o principal deles evitar o contato com a água, para não comprometer o piso.

Bem similar a madeira, faz barulho ao andar e não reage a luz, permanecendo sempre neutro. Um ponto forte desse tipo de piso é a instalação, que é rápida e não requer preparação prévia.

Dicas de conservação do seu piso laminado:

- Alguns modelos podem ser escorregadios, faça o teste antes de fechar a compra;
- Não é recomendado para animais de estimação – pelo barulho que o andar dos animais provoca e para evitar ranhuras e riscos indesejados;

Porcelanato


É o tipo mais conhecido e é facilmente é encontrado em diferentes cores, tamanhos e texturas, o que aumenta as possibilidades de acabamento (você encontra ele nas opções fosco, com brilho ou acetinado). Se adapta a todos os ambientes, podendo ser usado em lugares constantemente úmidos, como banheiros e lavanderias, ou de grande circulação, como cozinhas.

Também é recomendado para ambientes externos, como varandas e quintais, por ser de fácil limpeza e alta durabilidade mesmo quando molhado repetidas vezes.

Na hora de escolher o tamanho da peça, vale ficar atento aos recortes que terão de ser feitos para que elas se encaixem no cômodo escolhido – e também na perda de material que essas adaptações acarretam.

É um piso resistente e versátil, que se adapta a muitos ambientes. Dica: se colocado em área externa, fique atento para escolher um modelo antiderrapante.

Dicas de conservação do seu porcelanato:

- Cuidado! A queda de objetos pesados podem quebrar ou danificar o piso; Não use ceras e produtos químicos agressivos;
- Na hora da limpeza, prefira vassouras de pelo macio e fique atento aos bons cuidados do rejunte.


Fonte:crbconstrutora.com.br



Visite nossas páginas no facebook -www.facebook.com/forumconstrucao e Twitter - www.twitter.com/forumconstrucaoCurta, Divulgue



Comentários

Mais artigos

Cuidados para limpar e conservar bancadas de granito

Pisos para apartamento: como escolher o modelo mais adequado para o seu uso

Acabe com as dúvidas sobre o piso da cozinha

Por que utilizar o piso vinílico?

Porcelanato preto, branco, cinza e travertino.

Como evitar erros na instalação do piso vinílico

Dicas para evitar erros na instalação do piso vinílico

As vantagens no uso do piso vinílico

Piso vinílico facilita uso de madeira na decoração de banheiros e cozinhas

Pisos de madeira de demolição: como escolher.

Um novo ambiente? Pisos vinílicos, a solução ideal

Pisos vinílicos: práticos de aplicar e de usar

Dicas para manutenção de pisos

Piso cerâmico, o que usar em casa?

Revestimentos vinílicos para área molhadas, a solução da Tarkett

A praticidade e o design do Piso Vinílico

Como decorar o quarto do seu bebê. Qual o piso e outras dicas.

Soluções em pisos vinílicos para ambientes esportivos e hospitalares

Olhos atentos no chão, inovando com pisos vinílicos.

Pisos vinilicos unindo sonho e fantasia

Parece madeira, mas é piso Fademac

Pisos vinílicos auxiliam na questão da humanização hospitalar

Fademac cria hot site para linha ABSOLUTE

Pisos sustentáveis: Você sabe onde se está pisando?

Pisos vinílicos : Quando valorizar a imitação significa respeitar a natureza

Pisos vinilicos : um novo olhar!

A importância do contrapiso para a colocação de pisos vinílicos

Dúvidas mais comuns em relação aos pisos vinílicos

Pisos frios: como usar e o que evitar na decoração