Seu navegador não supoerta scripts

Busca

 

Curso a Distância - Redução do consumo de água em edificações

Curso a Distância - Eficiência Energética em Edifícios

Curso a Distância - Arquitetura Corporativa

Curso a Distância - Terra Crua

Curso a Distância - Arquitetura Acessível x Barreiras Arquitetônicas e Culturais

 

Artigos

 



Catálogo de Produtos Inclusivos

 

Acompanhe-nos

Facebook   Facebook

 

 

Em Retrofit e Restauração (veja mais 30 artigos nesta área)

por Arqª Renata Marques

Retrofit é recurso para adaptar edifícios às exigências da arquitetura



A evolução do tempo deixa suas marcas e isso reflete no estilo de vida da população de cada época. Como consequência, cada período apresenta uma arquitetura característica, desenvolvida para atender às necessidades daqueles habitantes.

Com o passar dos anos, as edificações antigas perdem funcionalidade e precisam mudar, até mesmo, para atender às exigências técnicas e de normatização que evoluem com o tempo.



Visando proporcionar a revitalização de edifícios, preservando aspectos originais, de acordo com as necessidades e parâmetros atuais, o Retrofit foi desenvolvido e passou a ser aplicado em construções que precisam de adequação. O conceito desta técnica compreende a revitalização de edifícios, preservando aspectos originais, para adaptá-los às exigências e padrões atuais.

O Retrofit é baseado na atualização de novas tecnologias; adequação às normas vigentes e novos usos para tornar os espaços funcionais para os atuais usuários; modernização estética e arquitetônica; e aplicação de soluções técnicas para facilitar a manutenção. Em resumo, a utilização desta técnica resulta na renovação completa da edificação.

Antes da decisão pelo Retrofit, é aconselhável que seja feito um estudo para verificar sua viabilidade. Uma vez que a principal preocupação do método é manter as características originais do prédio, o processo pode ser bem mais caro do que uma reforma convencional e, até mesmo, que a construção de uma nova edificação.

Comum na Europa, a demanda por este tipo de serviço tem crescido nos últimos anos em grandes cidades brasileiras como São Paulo e Rio de Janeiro, nas quais a prática vem sendo difundida para a revitalização dos centros urbanos e reocupação de prédios históricos. A tendência é de que esta demanda cresça ainda mais.

Hoje podemos observar, também, que existem muitos empreendimentos comerciais passando pelo processo de Retrofit. Grandes incorporadoras e investidores compram edifícios comerciais antigos para renová-los e depois comercializá-los. Outro motivo que leva à escolha pelo Retrofit é a falta de terrenos bem localizados para a construção de novos prédios.

Vale lembrar também que existe uma grande procura para Retrofit em edifícios residenciais que não se enquadram mais nas necessidades atuais dos moradores e estão perdendo valor de mercado.

Muitos síndicos procuram nossos serviços para efetuar uma avaliação das edificações para modernização de fachada, adequação de ambientes para usos como: salões de festas, academia, espaço gourmet, etc. Outras razões para adesão ao Retrofit são questões técnicas, como: a modernização de sistemas, automação, criação de acessos para portador de necessidades especiais, inovações em segurança, aplicação de tecnologias sustentáveis como: utilização de luminárias de baixo consumo e manutenção, medição individualizada de água, previsão de gerador, entre outras.

Ou seja, a realização de grandes adequações que não podem ser caracterizadas simplesmente como uma reforma. Muitas vezes é elaborado um projeto completo, para ser executado por etapas, com todos os detalhes da obra.

Para os moradores, o investimento para a adequação dos edifícios costuma ser muito proveitoso. Afinal, não adianta a pessoa investir em melhorias para o apartamento se o prédio não possui uma infraestrutura adequada que valorize o imóvel e facilite o dia a dia do usuário, aumentando a vida útil da edificação.

São muitos os fatores que devem ser levados em consideração antes da decisão pela execução ou não de um processo de Retrofit. É necessário uma avaliação criteriosa baseada nos anseios do cliente, custos estimados e a viabilidade logística para a execução.




Fonte: www.aecweb.com.br



Você conhece o "Curso a distancia IBDA - CentrodEstudos? Veja os cursos disponíveis, e colabore com o IBDA, participando, divulgando e sugerindo novos temas.

Visite nossa página no facebook -www.facebook.com/forumconstrucao - Curta, Divulgue

Comentários

Mais artigos

Retrofit: o que significa e qual sua importância

Retrofit e manutenção das fachadas: entenda os conceitos

Retrofit: Entre o antigo e o novo

Apartamentos antigos ganham nova roupagem

Você sabe o que é retrofit?

Retrofit, muito mais que uma reforma!

Retrofit. O que é, como funciona e quando é recomendado

Retrofit é recurso para adaptar edifícios às exigências da arquitetura

Retrofit verde ajuda no bolso (e revoluciona seu prédio)

Patologias da construção civil. Elas existem!

Retrofit, a nova tendência das reformas

Retrofit, uma reciclagem tecnológica

Reciclando entulho de material de construção

Restauração valoriza e amplia o tempo de uso da madeira

Casas antigas merecem respeito - 2ª parte

Casas antigas merecem respeito - 1ª parte

Retrofit e a escassez de terrenos

Equívocos em fachadas

Reformas em condomínios, como proceder nessa hora.

Retrofit Predial, uma reciclagem tecnológica

Retrofit é uma boa opção?

Marcenaria artística: ocupação mais produtiva dos espaços, aliando estética e sustentabilidade!

Retrofit dá nova cara à sede da União dos Escoteiros do Brasil em Curitiba

Retrofit verde

Tecnologia Associada a Patrimônio Histórico

Reuso de Materiais de Demolição

As dificuldades no reuso de materiais de construção

Reuso de Aberturas

O restauro da arquitetura histórica de terra com a super-taipa

O que é retrofit?

Decorando com Arte Sacra