Seu navegador não supoerta scripts

Busca

 

Curso a Distância - Redução do consumo de água em edificações

Curso a Distância - Eficiência Energética em Edifícios

Curso a Distância - Arquitetura Corporativa

Curso a Distância - Terra Crua

Curso a Distância - Arquitetura Acessível x Barreiras Arquitetônicas e Culturais

 

Artigos

 



Catálogo de Produtos Inclusivos

 

Acompanhe-nos

Facebook   Facebook

 

 

Procuramos o desenvolvimento de nosso setor, em todos os aspectos,e saúde é sempre fundamental. Nessa nova área, temos a parceria e orientação do “Grupo Faz Bem”, que é composto por vários canais de comunicação, incluindo uma Editora, TV e Rádio web. O portal de saúde e relacionamentos www.fazbem.com carrega o mix de conteúdo sendo o número um, no site de busca Google. Os artigos são todos preparados por especialistas na área de saúde e relacionamento e cuidadosamente revisado pelos jornalistas J.Washington e Darleide Alves


Acesse : www.fazbem.com

Em Saúde para Profissionais (veja mais 67 artigos nesta área)

por Redação do Fórum da Construção

10 principais problemas de saúde desenvolvidos no trabalho



Ao contrário de uma dor de cabeça ou gripe que surge após um período intenso de trabalho, alguns problemas de saúde podem estar relacionados ao desempenho da atividade profissional que dão ao trabalhador, do ponto de vista legal, os mesmos direitos de um acidente de trabalho.

De acordo com Eduardo Jesuísno, Médico do Trabalho, para que um problema de saúde seja considerado uma doença ocupacional, o trabalho deve ter o vínculo nexo causal, ou seja, causa e efeito específico na situação.


O médico alerta que certas doenças ocupacionais aparecem de forma silenciosa. "Algumas doenças só aparecem [após] 10 ou 15 anos de trabalho e acabam fazendo tamanho estrago que, muita vezes, a pessoa não tem condições de voltar para o trabalho, seja pelas limitações decorrentes da própria doença ou por ser o único local que o trabalhador consiga desenvolver atividades e isso [retornar para este único local] acabaria agravando a doença", disse.

Ele informou que pessoas que sofreram alguma doença no trabalho e tiveram que ser afastadas têm o direito de receber até 40% do salário base durante o período de afastamento. Para esse benefício, deve-se comprovar a ligação que a doença tem com o trabalho através de perícia no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), e ter, no mínimo, 12 anos de contribuição previdenciária.
Confira abaixo, segundo ele, as 10 principais doenças que podem ser desenvolvidas no trabalho:

LER/DORT (Lesão por Esforços Repetitivos/ Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho)
Provocada por movimentos repetitivos ou por posturas inadequadas, chamadas de posturas anti-ergonômicas. Deve-se ter cuidado no diagnóstico, pois muitas pessoas confundem a LER com uma simples torção ou mal posicionamento em algum movimento.

Antracose
Lesão pulmonar ocasionada por diferentes agentes que são adquiridos nas áreas de carvoarias. A doença pode ser o ponto de partida para outros problemas ainda mais graves e afeta, principalmente, os trabalhadores que têm contato direto com a fumaça do carvão.

Bissinose
Doença causada pela poeira das fibras de algodão, que afeta principalmente as pessoas que trabalham na indústria algodoeira.

Surdez temporária ou definitiva
Quando o trabalhador está exposto em uma área ruídos constantes, ele começa a perder a sensibilidade auditiva e isso pode se tornar irreversível. A perda auditiva se torna definitiva de forma lenta, silenciosa e prolongada. É mais comum entre operários de obras de construção que utilizam equipamentos que emitem ruídos e operadores de telemarketing.

Dermatose ocupacional
Pessoas que trabalham com graxa ou óleo mecânico podem desenvolver reações alérgicas crônicas, de forma que a pele cria placas.

Câncer de pele
Pessoas que trabalham, por exemplo, em lavouras, têm grandes chances de desenvolver o câncer de pele devido à excessiva exposição ao sol. A doença é bastante comum no Brasil, mas só pode ser considerada ocupacional se estiver relacionada à atividade profissional desenvolvida. Uma pessoa que trabalha em um escritório, sem se expor ao sol, por exemplo, pode ter o câncer de pele por outros e não terá assistência do INSS.

Siderose
Pessoas que trabalham nas minas de ferro acabam inalando partículas microscópicas de ferro. Estas partículas acabam se alojando nos bronquíolos, provocando falta de ar constante.

Catarata
Quem trabalha em lugares de altas temperaturas pode desenvolver a perda do cristalino, ocasionando a cegueira. Assim como o câncer de pele, a doença atinge uma parcela significativa da população brasileira, principalmente os idosos, e precisa ter relação direta com o trabalho para ser considerada ocupacional.

Doenças por função
Pessoas que trabalham com alimentos, por exemplo, podem se contaminar pelos produtos orgânicos que são utilizados.

Doenças psicossociais
Problemas como depressão, ou de outra ordem emocional, muitas vezes estão associados a carga horária excessiva, a pressão no trabalho, ou algum desentendimento na área de trabalho. Elas podem acabar desenvolvendo no trabalhador um desânimo prolongado no convívio de trabalho, ocasionando uma tristeza profunda.

Fonte:www.protecao.com.br


Você conhece o "Curso a distancia IBDA - CentrodEstudos? Veja os cursos disponíveis, e colabore com o IBDA, participando, divulgando e sugerindo novos temas.

Visite nossa página no facebook -www.facebook.com/forumconstrucao - Curta, Divulgue

Comentários

Mais artigos

Suicídio: O Que Leva Uma Pessoa a se Suicidar?

Os efeitos da solidão na saúde

10 Tipos de Acidentes Mais Comuns na Construção Civil

Oito dicas que ajudam a lidar com a pressão e o estresse

O stress e a organização no ambiente de trabalho

Tristeza natalina: por que acontece e como evitar

A importância da saúde para a competitividade das organizações

Abraços podem ajudar a prevenir estresse e outras doenças

Os 10 mandamentos de quem quer seguir uma dieta

10 principais problemas de saúde desenvolvidos no trabalho

Nove dicas para prevenir problemas de coluna

5 passos para melhorar a sua autoestima

Como cuidar da saúde, enquanto se está no trabalho?

O stress e a organização no ambiente de trabalho

Sedentarismo

Atividades para idosos: a vida começa aos 60!

Doenças do trabalho

Quais são os melhores alimentos para ter uma pele saudável?

Equilíbrio nos idosos

O Stress e Diabetes

Caminhar melhora a criatividade

Falta de exercício é principal fator de risco para mulheres

Tudo sobre o estresse

Como conversar e lidar com um idoso teimoso

Infidelidade conjugal: Prazer ou Dor?

Como é que o envelhecimento afeta a saúde sexual

Como cuidar da sua saúde durante o trabalho

6 dicas para acabar com o estresse no trabalho

Para melhorar a mente, aprenda algo realmente novo

Você não consegue julgar o comportamento dos seus amigos

É possível evitar a barriguinha da meia-idade?

Comer demais já mata mais do que fome no mundo

Sete dicas para afastar o estresse sem sair da mesa de trabalho

12 hábitos que ajudam a ter uma saúde mais plena

Como identificar os sinais de uma depressão

Leite de Soja – Propriedades Medicinais

Como tornar os dias dos idosos mais agradáveis.

Conheça mitos e verdades sobre exercícios abdominais

Como reduzir o problema do mau hálito

Andar é tão bom para o corpo quanto correr, com menos riscos

Como cuidar da sua saúde durante o trabalho

8 dicas para cuidar de uma pessoa deprimida

Civilização moderna, pessoas modernas e doenças modernas

Esclarecendo 25 dúvidas sobre o consumo de sal

Envelhecer - uma tarefa que exige cuidados simples

Os exercícios e a reciclagem do corpo

Sete hábitos para um coração saudável

Suar é importante para manter a temperatura, mas não emagrece

7 segredos para sua caminhada dar certo

Como cuidar do corpo para dominar o estresse

Pessoas bem informadas alimentam-se melhor

O que é o alongamento?

Plantas e ervas em excesso podem fazer mal à saúde!

Doces e açúcares na enxaqueca

Saúde: Seis regras de ouro para você.

Sonolência excessiva diurna, um problema atual

Filhos: os pais não tem como acompanhar o tempo todo, mas é preciso ter muito cuidado

Cogumelos, por que fazem bem à saúde?

Atividade física é qualidade de vida

Dilemas morais: Nós somos mais ou menos morais do que pensamos?

Uma maneira refrescante de cuidar da saúde: suchás

Os campeões são vegetarianos? Perguntas e respostas.

Ciúme ou medo?

Familiar deprimido? O que fazer

É hora de desintoxicar!

Relacionamentos: Como conviver com a sogra!

Alimentos saudáveis, de A a Z.

A importância da saúde na carreira profissional