Seu navegador não supoerta scripts

Busca

 

Curso a Distância - Redução do consumo de água em edificações

Curso a Distância - Eficiência Energética em Edifícios

Curso a Distância - Arquitetura Corporativa

Curso a Distância - Terra Crua

Curso a Distância - Arquitetura Acessível x Barreiras Arquitetônicas e Culturais

 

Artigos

 



Catálogo de Produtos Inclusivos

 

Acompanhe-nos

Facebook   Facebook

 

 

Esta área é patrocinada pela Eternit, no Brasil desde 1940, líder no mercado brasileiro de telhas e caixas-d’água de fibrocimento. Além desses produtos, oferece telhas metálicas, soluções para agilização de obras como o painel wall; caixas-d’água de fibrocimento e de polietileno Eterplac, uma placa cimentícia de excelente performance técnica e versatilidade e Louças Sanitárias, uma nova forma para a qualidade que todos já conhecem.
Focada na promoção da sustentabilidade, é signatária do Pacto Global da ONU (Organização das Nações Unidas) e busca concentrar suas ações sociais e ambientais no público interno, nas comunidades e entidades no entorno de suas unidades.
Veja mais sobre a Eternit na página da empresa em nosso site

Em Coberturas / Sistemas Construtivos (veja mais 36 artigos nesta área)

por Arq. Iberê M. Campos

Como posso dimensionar a caixa d'água da minha residência?



Ao construir uma casa, muitas pessoas se deparam com uma questão importante: como dimensionar a caixa d'água? Na dúvida, é comum fazer instalações exageradas, mais custosas e que sobrecarregam a estrutura da casa desnecessariamente, ou projetar uma caixa muito pequena, com capacidade insuficiente para os dias de falta d’água.

Para que serve a caixa d'água?

Por mais que pareça meio óbvia, essa questão é importante. Ela serve para abastecer a casa nos dias em que o serviço público apresenta algum problema e o fornecimento é interrompido.



Se não fosse por esses cortes, as caixas d’água não seriam necessárias e usaríamos a água que vem diretamente da rua, o que, além de baratear as construções, eliminaria a necessidade de lavar o reservatório periodicamente para evitar contaminação -e haveria menos caixas d’água destampadas ou abandonadas onde mosquitos como os da dengue podem se reproduzir.

Contudo, o abastecimento é falho em todo o país e, por conta disso, fazemos uso das caixas d’água, reserva que garante o abastecimento das construções. Quantos dias sem abastecimento a caixa deve suprir?

As normas brasileiras dizem que os reservatórios de água devem ser suficientes para suprir dois dias do consumo de uma casa. Entretanto, esse número pode variar em função da localização da casa e do tipo de utilização.

Num local em que a falta d'água é freqüente e pode demorar vários dias para ser restabelecida, é possível dimensionar um reservatório para três ou quatro dias de consumo, por exemplo. Da mesma maneira, o reservatório de um estabelecimento comercial que depende fundamentalmente da água para o funcionamento (como um restaurante ou um salão de cabeleireiros) justifica construir um reservatório para mais dias a fim de não prejudicar o funcionamento pela eventual deficiência no abastecimento.

Como dimensionar o reservatório?

Há tabelas que mostram o consumo médio de água para cada tipo de construção. Para uma residência, o consumo médio por pessoa é de 150 litros por dia. No caso dos apartamentos esse consumo é maior, 200 litros por pessoa por dia em função da maior pressão da água, que acaba acarretando em maior consumo.

Logo, sabendo-se para quantos dias a caixa d'água será projetada e quantas pessoas há na casa, é só fazer um cálculo simples. Como exemplo, para uma casa de seis pessoas, uma caixa d’água projetada para suprir o consumo de dois dias deverá ter:

6 (pessoas) x 150 (litros/pess.) x 2 (dias) = 1.800 litros

Considerando-se as dimensões-padrão das caixas d'água, podemos considerar uma caixa de 2.000 litros. Ou duas de 1.000 litros. Quando não se sabe ao certo quantas pessoas vão morar na casa, pode-se considerar no cálculo que em cada quarto dormirão duas pessoas, e em cada quarto de empregada dormirá uma pessoa. Exemplo: para uma casa com dois quartos mais um quarto de empregada temos:

[2 (quartos) x 2 (pessoas)] + [1 (quarto empreg.) x 1 (pessoa)] = 5 pessoas na casa 5 x 150 l x 2 = 1.500 litros

Nesse caso, podemos colocar uma caixa de 1.500 litros ou ainda uma de 1.000 litros e outra de 500 litros.

Quando se deseja uma caixa que suporte mais dias, basta multiplicar o número de pessoas pelo consumo médio pelo número de dias desejado, ou seja:

número de pessoas x consumo médio x número de dias

Devemos lembrar ainda que no caso de falta d'água é comum as pessoas economizarem naturalmente, tomando banhos mais rápidos, evitando lavar roupas, quintais e calçadas. Ou seja, não é necessário exagerar na quantidade de dias que a caixa deverá suprir, visto que o consumo médio provavelmente cairá nesses dias em que o abastecimento estiver com problemas. Quanto pesa uma caixa d'água?

Como as caixas ficam normalmente sobre as casas, seu peso influirá no cálculo da estrutura. Como 1.000 litros de água, um reservatório pesa 1.000 kg; e quanto maior a capacidade, mais resistente e cara tem de ser a estrutura que suporta o reservatório. Portanto não exagere no tamanho da caixa para que o custo da obra não fique proibitivo. E o meio ambiente?

Por fim, é sempre bom lembrar que devemos economizar o máximo possível de água no dia-a-dia. Água com pressão exagerada, chuveiros com muita vazão ou hábitos condenáveis como lavar a calçada diariamente aumentam o consumo e exigem maiores investimentos na construção por conta de caixas maiores e mais caras.

Logo, evite o consumo exagerado e tenha uma caixa adequada, de tamanho suficiente e com um custo que caiba no seu bolso.





Visite nossa página no facebook -www.facebook.com/forumconstrucao - Curta, Divulgue

Comentários

Mais artigos

Diferenças entre os principais sistemas construtivos utilizados

Como consertar telhado com vazamento?

Vazamento de água da chuva pelo telhado: saiba mais

Quais são as opções para fazer o teto de uma construção?

Ecotelhado, ou telhado verde.

Como Limpar Telhados

Telhado: como deixar a casa mais fresca

Tipos de telhado: qual escolher?

Uma alternativa para sua cobertura: Telhas de concreto

Como projetar um telhado

Evite problemas no telhado

Como posso dimensionar a caixa d'água da minha residência?

Coberturas: usando a barreira radiante de maneira correta

Como pintar telhas de Fibrocimento?

O Calor e Seus Efeitos nas Edificações

Telhados brancos podem esquentar, e não esfriar

O que são placas cimentícias?

A utilização de placa cimentícia em sistemas construtivos. Algumas dicas.

Sistema construtivo pré-fabricado, ou sistema convencional?

Placas cimentícias ampliam opções para sistemas construtivos

Telhado inteligente economiza energia em todas as estações

Em assembléia, acionistas da Eternit aprovam compra da Tégula.

Isolamento acústico. O que é? Como resolver?

Falando em saúde, e a Caixa d’água de sua casa?

Telhas metálicas levando versatilidade nos projetos de cobertura.

Sistema construtivo: rapidez, qualidade, com sustentabilidade.

Placa cimentícia, unindo versatilidade, leveza e solução arquitetônica

Light Steel Framing, versatilidade, rapidez na montagem e um excelente acabamento.

Cobertura com Telhas de fibrocimento

Proteção e beleza com telhados

O amianto e o risco à soberania nacional

Painéis Wall Eternit: projetos com aparência de obra de arte.

Placas cimentícias revitalizam fachadas

Uso de placas cimentícias na construção pode ser marcado pela criatividade

Telhas metálicas termoacústicas ganham pontos na construção verde

Obra rápida e limpa. Eco – Pousada Teju-Açu.

Cobertura estrutural Massimiliano Fuksas